Série: Grandes Palavras do Evangelho - Justificação
Texto: Lucas 18:9-14; Romanos 5:1-11

Introdução: A pergunta feita em Jó 25:4 ainda está sendo feita hoje, e a mensagem gloriosa do evangelho é que Deus forneceu uma maneira perfeita e inteiramente satisfatória de justificar os ímpios (Romanos 3:26; 4:5).

1. Qual é o Significado da Justificação?

Observe Atos 13:38-39 e observe que, ao crer, recebemos “perdão dos pecados” (versículo 38) e somos “justificados” (versículo 39). Justificação é mais que perdão; é ser liberado de toda a culpa e estar livre de qualquer encargo.

Numa corte terrena, um juiz não pode perdoar um homem e justificá-lo ao mesmo tempo, pois se ele o perdoa, então o homem deve ser culpado e, portanto, ele não pode ser justificado; por outro lado, se ele o justifica, ele não precisa de perdão. Deus, no entanto, compromete-se a perdoar o pecado e justificar o pecador; isto é, perdoar o pecador culpado e condenado e colocá-lo em uma nova posição onde não há acusação contra ele (Romanos 8:1).

2. Como Somos Justificados?

A Palavra de Deus deixa claro que ninguém é justificado por seu próprio esforço ou obra - observe Romanos 3:20; Gálatas 2:16 e 3:11. Este foi o erro fatal cometido pelo fariseu na parábola de nosso Senhor - Lucas 18:11-12. Nenhuma obra nossa, nenhuma boa atitude ou reforma pode nos justificar ou contribuir um pouco para a nossa justificação. É como se um assassino, sentindo pena de seu crime, fizesse todas as boas ações possíveis e imaginasse que, ao fazê-lo, seria justificado aos olhos da lei e salvo do carrasco. Todas as boas ações do mundo não podiam fazer nada para justificá-lo. Da mesma forma, todas as boas ações de um pecador nada podem fazer em relação a sua justificação. No Novo Testamento, a justificação é apresentada a nós em sete aspectos.

A. Somos justificados por DEUS: o AUTOR da justificação. Observe Romanos 3:26; 4:5 e 8:33, onde nos diz que Deus é o doador da justificação.

B. Somos justificados pelo GRAÇA; o PRINCÍPIO da justificação. Isso significa que somos justificados sem mérito de nossa parte - observe Tito 3:7 e Romanos 3:24. A palavra "gratuitamente" denota que não há nada em nós para merecê-la, e nenhum meio pelo qual podemos conquistá-la.

C. Somos justificados pelo SANGUE: o FUNDAMENTO da justificação. Um Deus santo deve ter uma base justa para justificar pecadores ímpios, e isso é encontrado no sangue da cruz. O homem, como pecador condenado, só pode expiar seu pecado pagando a pena de morte (Romanos 6:23). Como "todos pecaram" (Romanos 3:23), a lei de Deus exige que todos morram. Deus nos ama tanto que, através da morte de Seu Filho, que tomou o nosso lugar na cruz, todas as justas exigências da lei contra o pecador foram totalmente atendidas, e todas as reivindicações da santidade de Deus foram satisfeitas.

D. Somos justificados pela FÉ: a CONDIÇÃO a Justificação. A única condição humana para ser justificado é crer no Senhor Jesus Cristo - observe Romanos 3:22-28 e compare Romanos 5:1; 4:5 e Gálatas 2:16.

E. Somos justificados pela RESSURREIÇÃO: a GARANTIA da Justificação. Em Romanos 4:25, somos informados de que a ressurreição do Senhor Jesus foi a prova visível de que Deus estava satisfeito com Sua obra consumada, que a justificação está disponível para todos os homens e que todos os crentes são justificados.

F. Somos justificados pelas OBRAS: a EVIDÊNCIA da justificação. Se compararmos Romanos 3:20 e Tiago 2:24, somos confrontados com o que parece ser uma contradição, mas não há contradição - veja o que Tiago 2:20 diz. Obras são a evidência da fé. Onde quer que haja verdadeira fé, ela será seguida de obras - veja Tiago 2:18.

G. Somos justificados pela EXPERIÊNCIA: os RESULTADOS da Justificação. Em outras palavras, certas coisas maravilhosas acontecem como resultado de nossa justificação. Quais são essas coisas?

3. Quais São os Resultados da Justificação?

Existem sete deles enumerados em Romanos 5:1-11. O capítulo começa: “Justificados, pois, pela fé (sendo considerados justos)” …… o que?

A. “Temos paz com Deus por meio de nosso Senhor Jesus Cristo” (versículo 1). “Nós éramos inimigos de Deus” (versículo 10), mas no Calvário, nosso Senhor Jesus Cristo nos reconciliou com Deus (Romanos 5:10) e fez as pazes (Colossenses 1:20).

B. “obtivemos também nosso acesso pela fé a esta graça, na qual estamos firmes” (versículo 2). Isso significa que, sendo justificados, temos uma entrada ou boas-vindas na presença de Deus - compare João 10:9 e Hebreus 10:19.

C. “E nos regozijamos na esperança da glória de Deus” (versículo 2). A palavra "esperança" não implica incerteza; refere-se à garantia que temos de que Deus consumará Seu propósito em e para todos a quem Ele justificar. Isso significa - Colossenses 3:4 e Tito 3:7!

D. “gloriemo-nos nas tribulações” (versículo 3). Quatro razões são apresentadas nos versículos 4 e 5. Isso significa que, quando as provações e provas chegarem, poderemos dizer - 2 Coríntios 4:17! - Observe Atos 14:22; 2 Coríntios 4:8-10; 6:4-10 e 1 Tessalonicenses 3:3.

E. “o amor de Deus está derramado em nossos corações” (versículo 5). Este é o Seu amor em quatro dimensões - Efésios 3:17-18; e com Seu amor em nossos corações, nos amamos (1 João 3:14).

F. “pelo Espírito Santo que nos foi dado” (versículo 5). No momento em que Deus nos justifica, somos habitados pelo Espírito Santo - compare João 14:16-17; Romanos 8:9 e 1 Coríntios 6:19.

G. “também nos gloriamos em Deus” (versículo 11). Literalmente, "exultamos em Deus". Quão maravilhoso é isso! Nós, que fomos condenados, pecadores perdidos, agora por Sua graça, sendo justificados, nos regozijamos Nele!

Postar Comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

Gostou? Olha a Novidade Que Tenho Para Você!


Eu preparei um E-book Com 365 Esboços de Sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.


Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá à disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! CLIQUE AQUI para adquirir seu livro.