Texto: Mateus 4:1-11

1) Tentação no plano físico:

Jesus prepara-se para missão salvadora. O Espírito O conduz ao deserto, para jejum, abstinência e comunhão com o Pai. Pelo jejum, a fome foi despertada, quando vem o seu arquiinimigo satanás tentá-lo, sugerindo-lhe transformar pedras em pão.
a) Tentação do pão: (v.3) - Esta tentação marca a humana preocupação com o que comer. Por isso os homens cometem injustiças, matam e morrem. É a guerra pela sobrevivência e supremacia, por espaço e pão. Devemos resistir a esse grande mal. (Tg 4:1-10; Lc 10:38-42; Mt 6:25-34).
b) Como Jesus venceu a primeira tentação: venceu com a Palavra de Deus (v.4). A Palavra de Deus é o grande meio de resistir e vencer as investidas do tentador (1Pe 5:6-9).

2) Tentação no plano emocional da vaidade:

Satanás citando a Palavra de Deus sugere que Jesus faça um grande sinal, para aparecer (v.5,6).
a) Tentação dos milagres e emocionalismo. Muitos vão por este caminho irreal e caem (Jo 4:45-48; Mt 12:38-42).
b) Como Jesus venceu a segunda tentação: venceu com a Palavra de Deus (v.7). A Palavra de Deus usada sob jejum, oração e comunhão com o Pai e o Espírito.

3) Tentação no plano das mentiras e aquisições:

Mentindo satanás oferece o que não é seu (Sl 24:1, Sl 115:15-16).
a) Tentação de posses e glórias do mundo: Muitos caem por esse caminho (Lc 12:13-21).
b) Como Jesus venceu a terceira tentação: Venceu com a Palavra e o Poder de Deus (v.9-11).


Conclusão: Jesus Cristo é o modelo de vitória nas tentações. Aprendamos com Ele a vencer, vivendo na Palavra e no poder de Deus.