A partir deste dia vos abençoarei

Texto: Ageu 2:19

Introdução: Havia se passado 16 anos desde que o remanescente dos exilados judeus tinha voltado para Jerusalém. A missão era a de reconstruir o templo, mas em vez disso deram prioridade a construção de suas próprias casas.

Deus envia o profeta Ageu com uma mensagem que mostra-lhes que a falta de prosperidade se deve à falta de compromisso no cumprimento da missão. Ele diz que toda a luta e trabalho realizado não serviu para conseguir o que eles esperavam. "Vocês estão tentando prosperar", diz Deus, "mas a prosperidade está longe de vocês estais tentando satisfazer vós, mas não se sentem nunca realizados e há sempre algo que os falta"

Deus mostra-lhes que ele estava por trás da falta de bênção. Por quê? Porque é um Deus injusto para impedir o povo de prosperar? Não, Deus estava chamando a atenção no que diz respeito a um princípio espiritual, “buscar primeiramente o reino de Deus” lhes traria como benefício receber as bênçãos da prosperidade. Ao inverter a prioridade e cuidar de seus interesses, esquecendo-se de construir o templo de Deus, as pessoas enfrentaram uma escassez das coisas básicas necessárias para sobreviver. No meio do desespero e confusão ao ver que por mais que se esforçavam em nada prosperavam, Deus enviou Ageu com um convite à reflexão.

Depois de ouvir o profeta, veio a reação: Eles tiveram temor a Deus. E ... 

I. Com o temor a palavra de Deus veio a obediência. Ageu 1:12

Estava claro, se não obedecessem e começassem a construir o templo, nunca teriam boas colheitas porque a seca continuaria, por mais que trabalhavam o salário que recebiam era como se o colocassem em um saco furado. Ainda que tivessem roupa para se vestirem sempre precisavam de abrigo, por mais que se refugiassem em suas casas sempre estariam indefesos.

Então, eles tiveram medo da ira de Deus é mais, alguns até se sentiram envergonhados diante de Deus.
O chamado de Deus através de seu profeta causou, além de temor, um impacto tão grande, que afetou todos os que ouviram a voz de Ageu.
Primeiro, o governador, Zorobabel, o sacerdote Josué e em seguida, o povo.
Cada um tomou a decisão de obedecer a Deus e não retardar ainda mais a construção do templo. 

Aplicação: 
Deus fala através da Sua Palavra a todos aqueles que não estão obedecendo, a todos aqueles que não tem colocado seu reino em primeiro lugar.
O povo de Israel dizia, "ainda não chegou o momento de construir"; nós dizemos "não tenho tempo para servir, não tem tempo para vir ao culto durante a semana, não tenho o suficiente para ofertar", práticas que refletem nossas prioridades e nos ajudam a construir o nosso templo espiritual e o de nossa família.

E assim como o povo de Israel teve temor a Deus, nós também devemos temê-lo e estar disposto a obedecer ao Senhor. Não é suficiente dizer "o quão boa foi a mensagem, Deus falou-nos" ou "o pastor desceu o chicote" não. É necessário decisão de obediência. Possivelmente porque as coisas que não estão bem, é porque não estamos honrando a Deus.
Mas junto com a decisão de obedecer, as pessoas começaram a receber as bênçãos de Deus.
Porque ...

II. Com a obediência vem o despertamento espiritual. Ageu 1:14

Deus honrou a decisão de obediência, que teve Zorobabel, Josué e o povo.
Como ele fez? Despertando o espírito deles.
Durante 16 anos estavam dormindo, sem estar consciente da indiferença para com a casa de Deus.
Mas uma vez que eles decidiram obedecer a Deus, Deus os despertou para que cumprissem os seus propósitos.
O que Deus fez com eles é o que desejamos para nós, e não há dúvida de que Deus fará. Uma vez que nós decidamos servir-lhe, a dedicar mais tempo a ele que o dia de domingo, uma vez que tomarmos a decisão de obedecê-lo para honrá-lo com a nossa propriedade, Deus vai despertar o nosso espírito.
É preciso que assim seja para que nos desperte de uma vez por todas.
Dormindo não podemos fazer muito; despertados faremos maravilhas, dormindo, é assim que o inimigo quer que permaneçamos, assim contribuímos melhor com seus interesses, assim não lhe damos trabalho algum. Dormindo é impossível crescer, seremos crentes raquíticos sem a capacidade de desenvolver os nossos sentidos espirituais por falta de exercício.

Precisamos obedecer e pedir a Deus para despertar o nosso espírito!

III. Com o despertamento espiritual vem a ação

A data de quando foi dada a mensagem de Deus através do profeta Ageu está no capítulo 1 versículo 1. (O primeiro dia do sexto mês)
A data em que o povo decidiu obedecer está no Capítulo 1 versículo 15. (no dia 24 do sexto mês)
É possível que o início tardio deveu-se à preparação dos materiais, e não a desobediência como alguns interpretam.
Mas uma vez começado o trabalho, logo desanimaram.
Parece que a empolgação durou apenas até o dia 21 do mês seguinte, (2:1) Portanto, Deus teve que enviar de volta o profeta com uma segunda mensagem.

O povo desanimou, ao comparar a construção que estavam fazendo com a magnificência do templo de Salomão.  Alguns anciãos que eram crianças quando os babilônios destruíram o templo, se lembraram da beleza do templo de Salomão. O que eles estavam construindo agora não chegava nem perto em estreita semelhança!
Deus disse ao povo para não desanimar, para continuar o trabalho porque a glória do novo templo seria maior do que o primeiro. (2:8-9)

O que deu glória a este novo templo? Mais ouro, prata e pedras preciosas? Mais madeira fina?
Não, a glória foi dada pelo próprio Deus encarnado, Jesus Cristo Filho de Deus, que um dia visitou o templo em Jerusalém. Mas também há um cumprimento profético com a Segunda Vinda de Cristo.

O povo então precisou de palavras de encorajamento de Deus.
Isso nos ensina que devemos dar continuidade aos nossos propósitos e não medido pelo critério de coisas materiais. A glória não será medida pelo número de pessoas que participam do culto em nossa igreja, nem tão pouco pelo luxo do templo. Ageu 2:4
Pessoalmente, no meio das provas, cada um de nós deve dar continuidade aos nossos objetivos de construir o templo do Espírito que é o nosso corpo.

É verdade, que teremos de enfrentar problemas, mas não devemos desanimar, não devemos abandonar o caminho da obediência que decidimos seguir.
Deus promete estar conosco, assim que mãos a obra! Sem voltar atrás ou estagnar!

IV. Com a ação vem a bênção de Deus. Ageu 2:19

O povo teve temor a Deus, obedeceu a Deus então Deus despertou seu espírito e quando desanimaram lhes garantiu sua presença. Mas, apesar de que já tinha começado a construir o templo, obedecendo a Deus, ainda não viam os resultados em suas vidas.
Três meses se passaram desde que começaram a obra (2:10) e ainda não parecia claro nas suas prosperidades.

Mais uma vez, Deus lhes anima garantindo-lhes que por haverem obedecido, a sua bênção viria e estaria garantida.
Deus os chama mais uma vez para a reflexão.
Ele lembra que antes de se decidirem a obedecê-lo e começarem construção do templo, eles não eram abundantes. (2:15-17)

O que aconteceu com eles? Então, quando alguém ia para um monte de vinte medidas de grãos, tinha apenas dez, e quando iam para o lugar onde o vinho era feito para tirar cinquenta cântaros, encontravam apenas vinte. “Suas expectativas não eram preenchidas, encontravam menos do que esperavam, ficavam desiludidos e desmoralizados”.

Ilustração: Algumas vezes exigimos de Deus, sem ter lhe dado nada, e sendo fiel.

Ex. “O crente que foi para o céu, e esperava receber uma mansão”

Ageu 2:19 - "Bem, veja você que a partir de hoje não vai faltar o grão no celeiro. ainda não deu fruto a vinha nem a figueira, nem a romeira, nem a oliveira, mas a partir de hoje, e eu os abençoarei".

Conclusão: Deus diz: não se preocupem, apenas obedeçam. Não parem de trabalhar pelo fato de não verem os resultados imediatos, não desanimem. Se você está fazendo a coisa certa, continue fazendo e você vai ter os resultados. Persista em manter suas prioridades em ordem e no final, vamos ver como a abundância de Deus virá sobre nós.

Pr. Aldenir Araújo

A partir deste dia vos abençoarei Reviewed by Aldenir Araujo on 11:21 AM Rating: 5

Nenhum comentário:

All Rights Reserved by Esboços de sermões © 2014 - 2015
Powered By Blogger

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.