2/20/2019

O Que Fazer Quando o Problema Chega - Série: Segredos de Uma Vida Bem-Sucedida

O Que Fazer Quando o Problema Chega - Série: Segredos de Uma Vida Bem-Sucedida
Texto: “Também Davi se angustiou... Mas Davi se fortaleceu no Senhor seu Deus” (1 Samuel 30:6)

Introdução: Neste sermão, que é baseado em 1 Samuel 30:1-6, devemos considerar um período na vida de Davi quando ele foi mergulhado em grande angústia e problemas, e veremos o que ele fez em seu momento de angústia e quão maravilhosamente o Senhor se comprometeu por ele.

Problema não faz acepção de pessoas (Jó 5:7; 14:1). Talvez você esteja passando por um momento de dificuldade agora? Se assim for, há ajuda neste sermão para você; e se você não está no meio do problema hoje, aqui está o ministério com antecedência, que irá prepará-lo para algum dia futuro, pois o problema vem a todos nós, e é uma coisa boa quando sabemos o que fazer em um momento de dificuldade. Observe, de 1 Samuel 30:1-6, que:

1. O Problema de Davi Era Muito Real.

Não havia nada imaginário sobre o problema de Davi, conforme aprendemos com esses versículos. Como o seu problema se compara com o dele?

O seu tem a ver com uma grande perda em sua vida (verso 1); está conectado com seus entes queridos (verso 3); é tão grande que você tenha chorado até não ter mais força para chorar (verso 4)? Quão real são nossos problemas! Não há nada imaginário sobre eles, e não é errado chorar e encontrar alívio dessa maneira (João 11:35).

2. Davi Estava em Apuros, Embora Fosse Filho de Deus.

É muito importante que notemos isso. O Senhor amava Davi - veja Atos 13:22; todavia Davi encontrou-se no meio dessas circunstâncias angustiantes. Porque somos cristãos, não devemos esperar imunidade de problemas. Pense o quanto o Senhor sofreu (Hebreus 13:12) e quanto o apóstolo Paulo suportou (2 Coríntios 11:23-30)!

De fato, você pode pensar em um verdadeiro filho de Deus que não tenha experimentado algo da amargura da provação e sofrimento? Não devemos pensar que Deus não nos ama quando o problema surge em nosso caminho - observe 1 Pedro 4:12.

3. O Senhor Permitiu o Problema de Davi.

Ele permitiu que isso acontecesse. Ele permitiu que a angústia viesse à vida de Seu filho, assim como Ele fez com José (Gênesis 39:20); Jeremias (Jeremias 37:15); Pedro (Atos 12: 5-6); e outros - e assim como Ele tem feito com muitos dos Seus servos hoje.

Quando Jó foi tomado por aflição, sua fé estava tão firmemente estabelecida no Senhor e no fato de que Deus é soberano, e que nada havia acontecido em sua vida, ou aconteceria, sem a permissão graciosa de Deus, que ele foi capaz de dizer - Jó 13:15

O Senhor poderia ter evitado o problema de Jó e Ele poderia evitar todos os nossos problemas; mas Ele não o faz, e a maior lição que Ele quer que aprendamos é confiar nEle onde não podemos entender os “porquês” e os “onde” de suas relações conosco. Romanos 8:28 é verdade e sempre será verdade.

4. O Problema de Davi Foi, em um Sentido Muito Real, Sua Própria Culpa.

Isso é muito solene, pois Davi havia se desviado, e nenhum filho de Deus pode fazer isso e escapar do castigo de Deus. Parece claro que o Senhor permitiu que o problema entrasse na vida de Davi para que ele pudesse ser corrigido - veja Salmos 55:19 e compare Deuteronômio 8:2-3 e Hebreus 12:6.

Saul, cuja história é contada neste mesmo Primeiro Livro de Samuel, desprezou a autoridade de Deus, como fez Davi, mas nos dois casos vemos a diferença entre julgamento e castigo. No caso de Saul, sua vida e carreira foram terminadas como a punição por suas ofensas; no caso de Davi, no entanto, a vara foi levantada para corrigir - não para destruir; para trazê-lo de volta, não para afastá-lo para sempre; para prepara-lo para o serviço, não para cortá-lo em pedaços.

Pode ser que o seu problema seja sua própria culpa? - observe em Gênesis 42:21, e observe as palavras “é por isso que vem sobre nós esta angústia”. Deus somente permite os testes e provações da vida para a Sua glória e sempre para o nosso bem.

5. O Problema de Davi Era Realmente Uma Bênção Disfarçada.

Você diz: “Como pode ser isso, com a esposa, lar e amigos?” Foi uma bênção disfarçada porque no versículo 8 nos é dito que Davi consultou ao Senhor; e qualquer experiência que nos leve ao Senhor vale a pena - veja o Salmo 119:67 e Hebreus 12:11.

A única coisa que Deus está buscando em sua vida e minha é uma completa entrega de nós mesmos a ele. Ele quer que amemos a Ele e a Sua vontade, e confiemos nEle completamente.

O que Davi fez em seu tempo de angústia? O versículo 6 nos diz que ele “se fortaleceu no Senhor seu Deus”. É bom encontrar força no Senhor pessoalmente, mas às vezes precisamos ajudar os outros a encontrar essa força. Como podemos fazer isso?

1. Lembre-se de que você pertence a ele. “Davi se fortaleceu no Senhor seu Deus”. Descanse com a certeza desse relacionamento pessoal.

2. Lembre-se de Suas misericórdias passadas - a maravilhosa maneira pela qual ele se comprometeu com você, te guiou, te abençoou, providenciou para você e te usou no passado (1 Samuel 7:12)

3. Volte-se para Ele - em confissão (1 João 1:9) e em petição (Salmos 34:6); humilhe-se diante dEle e olhe somente para Ele para a libertação (Salmos 69:17).

4. Consulte a Ele (verso 8). Consulte a Ele o que você deve fazer na sua situação difícil.

5. Obedeça-lhe (versículos 9 e 10). Davi obedeceu, ele continuou a perseguição.

6. Confie nele. No final do versículo 8, lemos que o Senhor prometeu a Davi a vitória completa, e quando ele saiu (verso 9), ele confiou no Senhor para cumprir Sua palavra. Todas as promessas de Deus são feitas a nós para que possamos aceitá-lo em Sua palavra e confiar nEle para cumprir em nós e para nós aquilo que Ele prometeu - veja o Salmo 37:5; Provérbios 3:5-6; Mateus 11:28; Romanos 8:28; Filipenses 4:19.

7. Reconheça a bondade de Deus (verso 23) - veja Salmos 9:9; 27:5; 46:1; 143: 11; Naum 1:7.
Anterior
Próximo

0 Comments: