Do gemido terrenal à glória eterna
Texto: Romanos 8:18-28

Introdução: O apóstolo Paulo quer encorajar seu público em aflição. O sofrimento desta vida é “não se podem comparar com a glória” que será revelada em nós. Estamos literalmente saindo do gemido terrenal para a glória eterna.

A palavra "gemer" significa suspirar, chorar, clamar de dor. Essas dificuldades só podem ser suportadas pela ajuda, assistência e acompanhamento do Espírito Santo de Deus. Nossa esperança está ancorada no fato de que sairemos do gemido para a glória.

1. Nós passamos por Aflições (Romanos 8:18-23)

A. A criatura geme - “Pois tenho para mim que as aflições deste tempo presente não se podem comparar com a glória que em nós há de ser revelada. Porque a criação aguarda com ardente expectativa a revelação dos filhos de Deus. Porquanto a criação ficou sujeita à vaidade, não por sua vontade, mas por causa daquele que a sujeitou, na esperança de que também a própria criação há de ser liberta do cativeiro da corrupção, para a liberdade da glória dos filhos de Deus”

B. A criação geme - “Porque sabemos que toda a criação, conjuntamente, geme e está com dores de parto até agora”

C. O cristão geme - “...e não só ela, mas até nós, que temos as primícias do Espírito, também gememos em nós mesmos, aguardando a adoção, a saber, a redenção do nosso corpo”

2. Nós recebemos ajuda (Romanos 8:24-27)

A. O espírito ajuda nas enfermidades - “Do mesmo modo também o Espírito nos ajuda na fraqueza; porque não sabemos o que havemos de pedir como convém”.

B. O Espírito ajuda com a Intercessão - “…mas o Espírito mesmo intercede por nós com gemidos inexprimíveis”

C. O Espírito ajuda com Investigação - “E aquele que esquadrinha os corações sabe qual é a intenção do Espírito: que ele, segundo a vontade de Deus”

3. Nós temos esperança (Romanos 8:28)

A. A confiança da esperança - "E sabemos..."

B. A comunhão da esperança - “...que todas as coisas concorrem...”

C. A conclusão da esperança - "...para o bem..."

D. A congregação da esperança - “para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados”

E. A consumação da esperança - "...segundo o seu propósito"

Conclusão: Aflição, angústia e sofrimento fazem parte da experiência humana, mas Deus irá redimir a criatura caída e a criação caída. Um dia ele nos conduzirá à Sua gloriosa presença e transformará nossa carne mortal e carnal. Nós seremos como Ele enquanto nos movemos do gemido terrenal para a glória eterna!