Como devemos seguir a Jesus

Texto: Mateus 8: 18-22 – “Vendo Jesus muita gente ao seu redor, ordenou que passassem para a outra margem. Então, aproximando-se dele um escriba, disse-lhe: Mestre, seguir-te-ei para onde quer que fores. Mas Jesus lhe respondeu: As raposas têm seus covis, e as aves do céu, ninhos; mas o Filho do Homem não tem onde reclinar a cabeça. E outro dos discípulos lhe disse: Senhor, permite-me ir primeiro sepultar meu pai. Replicou-lhe, porém, Jesus: Segue-me, e deixa aos mortos o sepultar os seus próprios mortos”

Introdução: Muitos hoje estão se dispondo a seguir a Jesus. Por diversos motivos, diversas intenções, muitos de boa fé, outros visando ganhos não tão louváveis, mas o que se nota é que nunca em todo o tempo o nome de Jesus foi tão proclamado, tão anunciado. As pessoas determinam à maneira de se aproximar da fé ou de tudo o que se refere ao reino de Deus. Mas como será que o Senhor Jesus quer ser seguido? Ele sim, a pessoa mais implicada deve deixar claro como quer ser servido, adorado e honrado.

1 - Passando para a banda d’além – “Vendo Jesus muita gente ao seu redor, ordenou que passassem para a outra margem” (v: 18).
Aos seus discípulos Jesus sempre ordenará uma travessia. Ninguém será discípulo do Senhor se não estiver disposto a olhar adiante, empreender caminhadas, enfrentar seus próprios medos, enfrentar situações novas, vencer as limitações, aprender, romper com a paralisia, simplesmente ousar, ousar a negar-se, compreender e querer enxergar a verdade de Jesus e de si mesmo.

Enfrentar temporais, crer, apostar na fé, empenhar a vida, o nome, permitir-se vencer, querer a cura, querer a libertação, querer mais, mais de Deus, mas do seu poder, mas do seu Espírito, mais do seu amor, servir, romper com o modelo próprio de vida, parar de querer adaptar o Reino de Deus a si, e adaptar-se ao Reino, porque as multidões estão ao redor querendo de Jesus, mas os verdadeiros discípulos querem a Jesus.

2 - Eliminar a presunçosa determinação carnal e depender de Deus – “Então, aproximando-se dele um escriba, disse-lhe: Mestre, seguir-te-ei para onde quer que fores. (v: 19).
Qualquer disposição de confiar na carne até mesmo para seguir a Jesus deve ser eliminada. A Bíblia está repleta de exemplos de pessoas que assumiram compromissos e não puderam dar conta deles. (Lucas 22: 31- 34; Lucas 14: 25-35).

3 - Ser governado pela Mente de Cristo – “Mas Jesus lhe respondeu: As raposas têm seus covis, e as aves do céu, ninhos; mas o Filho do Homem não tem onde reclinar a cabeça” (v: 20).
O grande desafio é fazer com que as pessoas deixem o governo de suas vidas e o entreguem a Jesus. Para isso precisamos ser ensinados. Jesus estava falando a pessoas que estavam se dispondo a segui-lo, então Ele diz: você está disposto a ir aonde vou, fazer o que faço ser o que quero que você seja. Eis aí o grande desafio.

4 - Deixar os mortos enterrar seus mortos – “E outro dos discípulos lhe disse: Senhor, permite-me ir primeiro sepultar meu pai. Replicou-lhe, porém, Jesus: Segue-me, e deixa aos mortos o sepultar os seus próprios mortos” (v: 21, 22).

Este discípulo não estava dizendo que seu pai estava à beira da morte. Ele queria viver com ele até que ele morresse aí então ele seria liberado para seguir a Jesus. O chamado tem prioridade. Em qualquer situação a pessoa de Jesus, seu reino, seu chamado deve sim ter prioridade em nossa vida. Jesus foi claro: “Deixa os mortos sepultarem seus mortos”.

Conclusão: Hoje é o dia de começarmos a seguir a Jesus da maneira que Ele deseja que o sigamos. As nossas vitórias estão diretamente ligadas à obediência.

Prs. Israel e Ludmila

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!

Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá á  disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Nenhum comentário

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links não serão aprovados!