Texto: 2 Cr 20.1-30

Introdução:

Frequentemente, os filhos de Deus sofrem pesados ataques de satanás, Josafá passou por isso. Foi um ataque inesperado. Se alguém vai bem, logo aparecem os invejosos, como no caso de Josafá. Ele próprio queria viver em paz, mas satanás investiu contra ele. Os filhos de Deus devem estar sempre preparados contra o inimigo e se revestirem de toda armadura de Deus (Ef 6.10-18).

1 – A conduta de Josafá

Buscou a face de Deus – V.3
Apregoou um jejum em todo o Judá – V.3; Ed 8.21; Dn 9.3

2 – A oração do Rei

Orou cheio de temor – v.6
Lembrou a Deus de vitórias anteriores – V.7
E da amizade com Abraão, o patriarca de Israel – V.7

3 – Josafá orou com objetividade – V.10

Orou humildemente confessando sua fraqueza – v.12
Orou confiando na resposta – v.12
Todo povo participou da oração – v.13

4 – As respostas de Deus através de Jaaziel – Vv 14-17

Sua palavra deu ânimo ao povo
Mostrou que a batalha era do Senhor
Disse ao povo que o Senhor lutaria por eles
O Senhor colocou o seu povo no lugar certo – Vv.16-17

5 – Um culto de ações de graças

Começou antes da batalha
Tamanha foi a fé nas promessas divinas – Fl 4.6
Josafá e todo Judá prostraram perante o Senhor com gratidão
Os levitas honraram a Deus através de Cânticos de louvor

6 – Uma luta notável

Josafá mandou cantores seguirem à frente do exército
Deus confundiu os inimigos de Judá
O povo encontrou ricos despojos – v.25
Todos deram a glória, pela vitória, a Deus – Vv. 26-27

7 – Profunda impressão que esta vitória causou

A ação de Deus fez com que outras nações O temessem – v.29
Deus trouxe segurança para Judá e seu povo
Doravante ninguém mais ousava atacar a Judá.

Conclusão:

“Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade, porque o Pai procura a tais que assim o adorem”. João 4.23 – este texto explica a tremenda vitória do Rei Josafá, em que ganhou uma guerra usando a maior arma, a adoração.

Comece hoje a adorar o nosso Deus, não somente com os seus cânticos, mas, com toda a sua vida, isto é, fazendo da adoração um modo de vida, e estarás agradando o coração do Pai.

Faça uma aliança com o Pai, adorando-o, entregando a sua vida a Jesus Cristo, como o seu salvador.