Texto: Lucas 17:32


1 – Seus muitos privilégios.
a) Teve um marido justo – 2 Pe. 2: 7 – “E livrou o justo Ló, enfadado da vida dissoluta dos homens abomináveis”.
b) Parentes crentes: Abraão e Sara.
c) Um privilégio raro e especial: foi advertida por anjos para uma fuga apressada (Gn. 19:12, 15).
d) Foi despertada espiritualmente e teve um começo (Gn. 19:16).
e) Já havia sido salva uma vez. – (Gn. 14:16).


2 – Seu pecado
a) Foi incrédula e hesitou, não se apressou a obedecer – (Gn. 19: 15).
b) Foi ingrata e desprezou a misericórdia de Deus – (Gn. 19:16).
c) Amou mais o mundo do que a Deus.


3 – Seu castigo
a) Perdeu a vida de repente, estando bem próxima da salvação – (Gn. 19:26).
b) Seu dia de graça transformou-se em dia de juízo.


4 – A advertência dirigida a nós.
a) Ela pôs a mão no arado, mais olhou para trás – (Lc. 9:62, Hb. 10:38).
b) Somente iniciou, mas não completou a sua decisão – (Hb. 6:4-6).
c) Provocou a ira de Deus – (I Co. 10:22).
d) Desprezou a graça – (Rm. 2:4, Ef. 2:8-9).
e) Por isso, cuide-se da mania de obter lucros terrenos – (Mt. 6:33, Jo. 6:17).
f) Cuide-se em resistir a ordem de Deus – (I Co. 15:58, Mt. 28:19-20).
g) Cuide-se, em hesitar, quando Deus manda apressar – (Gn. 19:17).