Como discernir a voz de Cristo

Texto: João 10.1-18

INTRODUÇÃO

1. A pluralidade evangélica tem prejudicado drasticamente a pregação genuína do evangelho.

- Muita gente tem aceitado um evangelho distorcido, achando que estão vivendo a vontade do Senhor. Porém, mesmo com toda boa intenção de agradar a Deus, não vivem o que o Pai deseja, pois escutam uma voz distante do que o Jesus da bíblia ensina.

2. Nos tempos de Jesus, os fariseus e os escribas eram os responsáveis pelo ensino da lei entre os judeus.

- Eles se esmeravam em cumprir a lei na tentativa de se auto-justificarem. Assim, achavam-se superiores aos demais por sua pseudo-justiça. Eles não conseguiam discernir a glória de Deus em Jesus. Estavam “cegos” para verem através de Jesus os feitos de Deus.

3. João relata uma parábola proferida por Jesus onde ele faz um contraste entre o bom pastor e os falsos pastores.

Segundo Jesus:
a. O “pastor” das ovelhas é aquele que entra normalmente pela “porta” do aprisco. Os que pulam a cerca, que tentam outro caminho não são pastores, mas “ladrões e salteadores” (v.l).
b. O som da voz do pastor é conhecido pela audição das ovelhas. Porém, “o estranho” não tem autoridade sobre as ovelhas (v.5). Por mais que ele berre, as ovelhas do pastor não entenderam a sua voz. Pelo contrário, elas “fugirão dele”.

4. As ovelhas precisam discernir bem a voz do seu pastor.

- São muitos os lobos fantasiados de pastores que não cuidam do rebanho do Senhor como deveriam.

- É preciso que a igreja do Senhor saiba identificar a voz de Jesus para que não seja iludida pela voz dos mercenários.

Como podemos discernir a voz do nosso bom pastor, Jesus?

I. PODEMOS DISCERNIR A VOZ DE JESUS ATRAVÉS DA MENSAGEM CRISTOCÊNTRICA (v.1)

1. Jesus se identificou como “a porta” do aprisco (v. 7).

- É por ela que as ovelhas entram no rebanho do Senhor. Os que tentam burlar a porta são considerados “ladrões e salteadores” (v.1).

- Por isso Jesus ensinou: “Eu sou o caminho... ninguém vem ao Pai senão por mim” (Jo 14.6). Não há outro caminho para adentrar o aprisco de Deus, só através de Jesus.

2. Para chegar a ser ovelha do bom pastor é preciso entrar pela porta.

- Muita gente tem construído suas próprias portas. Esses acham que são ovelha do Senhor porque são dedicados na obra do Senhor; porque não bebem , não fuma, não jogam no bicho. Todavia, para ouvir a voz do bom Pastor é preciso entrar no aprisco através da fé em Cristo.

3. A voz de Jesus nos chama a viver em Cristo.

- A mensagem de Deus não titubeia entre Jesus e o mundo. Somos chamados a viver como Cristo e através de Cristo.

- Quando Deus fala aos nossos corações é à semelhança de Jesus que ele quer nos conformar. Transformando nossos sentimentos, pensamentos e vontade.

II. PODEMOS DISCERNIR A VOZ DE JESUS ATRAVÉS DA NOSSA IDENTIDADE COM ELE (vv.14,15)

1. O relacionamento da ovelha com o pastor envolve identidade.

- Por isso Jesus disse: “... conheço as minhas ovelhas, e elas me conhecem a mim” (v.14).

- Para a ovelha discernir a voz do seu Pastor não basta ter um Pastor é necessário conhecê-lo, sabendo do seu cheiro, do seu timbre de voz, assim a ovelha não hesitará em segui-lo.

2. A identidade de Jesus com a suas ovelhas é semelhante à identidade do Pai com o filho na relação trinitária (v.15 “assim como o Pai me conhece a mim, e eu conheço o Pai”).

- Ele entendia a voz de Deus porque estava em Deus. A ovelha só entende a voz do seu pastor se estiver no Pastor.

3. Aqueles que estão em Cristo sabem o que faz parte do caráter do seu mestre.

- Eles se identificam com o amor, o perdão e a abnegação. A voz dele soa em consonância com os desejos do seu coração. Sua vida não pensa independente da mente de Cristo, seus desejos são os desejos de Jesus.

III. PODEMOS DISCERNIR A VOZ DE JESUS ATRAVÉS DO SEU AMOR POR NÓS (v.15)

1. A relação de Cristo com suas ovelhas é baseada no seu amor por elas. Por isso, ele disse: “... dou a minha vida pelas ovelhas” (v.15).

- Diferente do mercenário que cuida das ovelhas em troca de dinheiro, Jesus cuida das ovelhas porque lhes ama (v.11,12).

- Suas ovelhas lhe conhecem pelo seu amor. Nas adversidades as ovelhas sabem que ele não foge, mas está pronto a dar a sua vida por causa do seu rebanho.

2. Jesus não pode expressar por nós um sentimento desprovido de amor.

- Sua vontade para conosco é comunicada em amor do início ao fim. Porém, não podemos polarizar o amor de Jesus apenas quando ele nos dá algo. Em muitos casos ele não nos dar o que queremos por que nos ama. Assim com um filho que quer brincar com fogo e seu pai não deixa. Isso não diminui o amor, pelo contrário evidencia.

3. Qualquer voz que nos faça desconhecer o amor de Deus, não vem do bom Pastor.

- Uma mensagem que nos leve ao egoísmo, a luxúria, a mentira, ao orgulho, não pode ser considerada como voz do Pastor.

CONCLUSÃO

1. Por fim, são muitos os barulhos que interferem em nossa audição espiritual.

- São teologias heréticas, ensinamentos desprovidos de autoridade bíblica, etc. Mas podemos discernir a voz de Deus através de mensagens, onde Cristo é o centro, e sua vida é exposta como modelo vida; também, tendo identidade com Jesus, através da nossa união com ele na cruz do calvário; e, conhecendo o seu amor para conosco, que sempre nos quer o bem.

2. Portanto, sejamos criteriosos em ouvir a voz de Deus e não nos iludamos com a voz do homem, do mundo e do diabo. Amém!

Rev. Leonardo J. N. Félix

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!

Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá á  disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Nenhum comentário

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links não serão aprovados!