Texto: Atos 26:28

I – O que quer dizer quase cristão.

1. Um que sabe o que deve fazer, porém não o faz. – Tiago 4:17.

2. Um que está convencido, porém não se rendeu ao Senhor.

3. Um que entregou quase tudo, porém retém alguma coisa.

4. Um que procura servir Deus e o mundo ao mesmo tempo.

5. Um que procura viver uma vida moral, porém não quer render-se a Cristo e ser membro da Igreja.

II – Porque tantos são quase cristãos.

1. Ideias errôneas de religião.

a) Doutrinas dos homens. – Mateus 15:1-9.

b) Presunção da graça – sem os frutos da justiça, sem obediência.

2. O temor dos homens.

a) A causa dos fariseus. – João 12:42,43,

b) A causa dos parentes, dos amigos ou companheiros.

c) Temor à perseguição: creem, mas não confessam.

d) Temor ao desprezo.

e) Amam os louvores dos homens mais do que os de Deus. – Isaias 51:7-9.

3. A cobiça. – Lucas 12:15-21.

a) Não querem pagar o dízimo, cobiçam o que pertence a Deus.

b) Por causa do amor ao dinheiro, Judas traiu ao Salvador.

4. O amor aos prazeres e ao mundo. - II Timóteo 3:1-7.

5. Pecados não confessados. – Provérbios 5:22.

6. Adiamento. - Atos 22:16; 26:19.

III – A insensatez de viver desta maneira quando Cristo fez tanto por nós.

1. Atos 16:31,32; Miqueias 6:3; João 5:46.

2. Hebreus 12:25; Hebreus 10:25.

Quando tudo o que é bom neste mundo é nosso em Cristo. – Hebreus 2:1-3.

IV – O cristão cabal é o que rendeu "tudo" a Cristo. Filipenses 3:7-9; Atos 26:28.