Texto: Lucas 22:54-62; Números 32:23

Há em cada vida tempestade.

I – As causas de sua queda.

1. Confiança própria. - vs. 32, 33.

a) Isso é um grande perigo. I Coríntios 10:12.

b) Devemos sempre temer. Provérbios 28:14.

2. Falta de oração. – Mateus 26:36-41.

a) Devemos vigiar e orar. I Tessalonicenses 5:17; I Pedro 5:8, 9.

b) A oração é a chave nas mãos da fé.

3. Seguia a Jesus de longe. v. 54.

a) João seguia a Jesus de perto. João 18:15, 16.

b) Também é um grande perigo.

(1) Satanás pode mais facilmente derrotar uma só alma do que muitas.

(2) Seguindo a Jesus, sigamo-Lo bem de perto, olhando só a Ele – Hebreus 12:1, 2.

4. Estava em terreno impróprio. V. 55.

a) Um cristão não pode tomar parte com os ímpios. – Salmo 1:1, 2.

b) Não deve ir às suas diversões.

c) Um pequeno pecado leva-nos a cometer outros maiores. Exemplo de Pedro.

d) Devemos confessar a Jesus onde quer que estivermos.

II – A causa do seu arrependimento. Vs. 61, 62.

1. O olhar de Jesus.

a) Este foi como um relâmpago no meio das trevas.

b) Fora uma esperança, graça e consolação.

2. Pedro sentira a consequência de seu pecado. Números 32:23.

3. Chorou, prova de seu arrependimento sincero.

a) Como morreu Pedro.

4. Se conhecermos a nossa falta, choraremos, arrependidos porque "bem-aventurados os que choram".

5. Sejamos leais a Jesus sempre e em todas as coisas olhando a Ele e resistamos ao diabo e ele fugirá de nós.