Princípios para que o Milagre aconteça

Texto: Marcos 6.30-43

Introdução: Jesus iniciou o treinamento de seus discípulos ensinando os princípios do Reino de Deus e fazendo milagres na presença deles. Após este primeiro momento, Ele então, começou a treiná-los, preparando-os para sua partida. Neste episódio, após os doze terem voltado de uma longa jornada pregando o Evangelho e ter trazido a Jesus a notícia da morte de João Batista, saíram para descansar e restaurar as forças.

Foi nestas condições que um grande milagre aconteceu, isto é, debaixo de cansaço e pressão emocional – “Voltaram os apóstolos à presença de Jesus e lhe relataram tudo quanto haviam feito e ensinado. E ele lhes disse: Vinde repousar um pouco, à parte, num lugar deserto; porque eles não tinham tempo nem para comer, visto serem numerosos os que iam e vinham. Então, foram sós no barco para um lugar solitário” (V.30-32).

Porém, nesse estudo veremos as condições ou posicionamentos que devemos ter para receber o milagre de Jesus em nós, pois Ele está sempre disposto a nos abençoar.

1 - Conhecer a Jesus - “Muitos, porém, os viram partir e, reconhecendo-os...” (v.33a). Um conhecimento não apenas de ouvir falar ou através da experiência de outras pessoas. O milagre é uma experiência pessoal.

2 - Buscar (correndo) e se aproximar - “correram para lá, a pé, de todas as cidades, e chegaram antes deles” (v.33b). É necessário ter diligência, ter proximidade, intimidade com o Mestre dos mestres, isto é, ser próximo.

3 - Ter a Jesus como pastor - “Ao desembarcar, viu Jesus uma grande multidão e compadeceu-se deles, porque eram como ovelhas que não têm pastor” (v.34a). Ter consciência que Ele é o Pastor de nossas almas e nada nos faltará (Salmo 23).

4 - Ouvir atentamente e aprender – “E passou a ensinar-lhes muitas coisas” (v.34b). O texto de Isaias 53.3 diz: “Inclinai os ouvidos e vinde a mim; ouvi, e a vossa alma viverá; porque convosco farei uma aliança perpétua, que consiste nas fiéis misericórdias prometidas a Davi”. Entendemos que as bênçãos estão condicionadas em: inclinar os ouvidos, ir ao Pai e ouvir, isto é, aprender.

5 - Não ter pressa de sair da presença de Jesus - “Em declinando a tarde, vieram os discípulos a Jesus e lhe disseram: É deserto este lugar, e já avançada a hora” (v.35). Horas se passaram e a multidão continuava firme ouvindo as maravilhas que saiam da boca do mestre. Para receber o milagre é necessário ter tempo com Deus. Uma reunião semanal aos domingos é muito pouco para ter intimidade com o Pai.

6 - Depender de Jesus - “: É deserto este lugar, e já avançada a hora (v.35b). Para aqueles irmãos não importava o local deserto e hora avançada. Eles sabiam que quem está com Jesus de nada tem falta. A nossa confiança tem que estar no Senhor e depender somente dele (Jeremias 17.5-9).

7 - Obedecer à sua Palavra – “Então, Jesus lhes ordenou que todos se assentassem, em grupos, sobre a relva verde” (v.39). Temer ao Senhor e obedecê-lo é o princípio da sabedoria. Todos os que obedecem aos princípios estabelecidos na Palavra de Deus são bem sucedidos.

8 - Organização – “que todos se assentassem, em grupos.E o fizeram, repartindo-se em grupos de cem em cem e de cinquenta em cinquenta” (v.39b e 40). O Reino de Deus é um reino organizado, de princípios que precisam ser observados e cumpridos. Muitos acham que o nosso culto pode ser apresentado de qualquer maneira e realizada as coisas do Reino de maneira displicente, porém, não é assim que funciona, pois Jesus antes de realizar o milagre da multiplicação do suprimento, saciando a fome do povo, organizou a multidão.

9 - Agradecer pelas bênçãos, pelo muito ou pouco que temos recebido - “Tomando ele os cinco pães e os dois peixes, erguendo os olhos ao céu, os abençoou” (v.41). Era pouco o alimento, porém o milagre começou a acontecer quando Jesus agradeceu e não amaldiçoou o que estava em suas mãos. Precisamos ser agradecidos em tudo o que recebemos. Veja o que diz Hebreus 13.5: “Seja a vossa vida sem avareza. Contentai-vos com as coisas que tendes; porque ele tem dito: De maneira alguma te deixarei, nunca, jamais te abandonarei”.

10 - Não desperdiçar – “e ainda recolheram doze cestos cheios de pedaços de pão e de peixe (v.43). Não podemos ser avarentos que é idolatria (Colossenses 3.5), porém, todos os recursos que o Senhor nos dá são santos e precisam ser valorizados.

Conclusão: Decida, hoje, a aproximar-se de Jesus. Ele é a fonte de todos os recursos que necessitamos e do milagre em qualquer área da vida de ser humano.

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!

Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá á  disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Nenhum comentário

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links não serão aprovados!