Não havia lugar para Jesus

Texto: ”Naqueles dias, foi publicado um decreto de César Augusto, convocando toda a população do império para recensear-se. Este, o primeiro recenseamento, foi feito quando Quirino era governador da Síria. Todos iam alistar-se, cada um à sua própria cidade. José também subiu da Galiléia, da cidade de Nazaré, para a Judéia, à cidade de Davi, chamada Belém, por ser ele da casa e família de Davi, a fim de alistar-se com Maria, sua esposa, que estava grávida. Estando eles ali, aconteceu completarem-se-lhe os dias, e ela deu à luz o seu filho primogênito, enfaixou-o e o deitou numa manjedoura, porque não havia lugar para eles na hospedaria” (Lucas 2.1-7).

Introdução:

Chegada a plenitude dos tempos José e Maria saíram de onde moravam em Nazaré na Galiléia para Belém na Judéia, para serem contados no recenseamento. Quando cumpriu os dias de Maria dar a Luz, porém, não havia lugar nas estalagens.

1. Plenitude dos tempos:

Condições preparadas por Deus para a vinda do Messias (Jesus), para que o Evangelho fosse levado a toda a terra.
Veja Gl 4.4-5 – “Mas, vindo à plenitude dos tempos, Deus enviou seu Filho, nascido de mulher, nascido sob a lei, para remir os que estavam debaixo da lei, a fim de recebermos a adoção de filhos”.
Veja os sinais da plenitude dos tempos quando do nascimento de Jesus:
- Governo central – Império Romano
- Cultura greco-romana – cultura reinante
- Língua - Koiné - Grega
- Paz imposta - Pax Romana
- Condição geográfica – O local onde Jesus nasceu tinha posição geográfica privilegiada, era cortado por estradas e tinha acesso ao mar.
- Torah – Lei dada por Deus, através de Moises, que pela sua envergadura inspirou os principais códigos do mundo.

2. Na Palavra de Deus temos exemplos, nos quais vemos a recompensa por dar lugar ao Senhor.

- Em Lucas 8.40-56 vemos um pai, Jairo, indo até Jesus por causa de sua filha que estava morrendo, e a criança receber a ressurreição e a mulher que tinha uma hemorragia receber a cura.
- Em Lucas 15.15-24 vemos o perdão e a restauração que o Filho Pródigo recebeu do Pai.
- Em Lucas 18.35-43 vemos o cego de Jericó clamando a Jesus e a resposta do nosso Salvador a ele: "O que queres que te faça" e ele pediu para ver e foi curado e perdoado os seus pecados.
- Em Lucas 19.1-10 vemos o cobrador de impostos Zaqueu superando todos os obstáculos que estavam à sua frente para ver Jesus e ele foi perdoado e recebeu salvação.

3. A raça humana continua ainda até os dias de hoje não tendo lugar para Jesus.

Vemos na Palavra de Deus, pessoas que tiveram a oportunidade e não abriram os seus corações.
Analise o que Jesus diz em Lc 9.26: “Porque, qualquer que de mim e das minhas Palavras se envergonhar, dele se envergonhará o Filho do Homem, quando vier na sua glória, e na do Pai e dos santos anjos”.
- Em João 3.1,2 vemos o nobre Nicodemos procurando Jesus à noite, às escondidas.
- Em Lucas 18.18-30 vemos o Jovem rico que desprezou o chamado de Jesus para segui-lo, por causa dos bens deste mundo.
- Em Mateus 26.14-16 vemos Judas traindo a Jesus e vendendo-o aos seus perseguidores por trinta moedas de prata.

4. Jesus continua buscando a raça humana:

O seu amor é indescritível: “Dá-me, filho meu, o teu coração, e os teus olhos se agradem dos meus caminhos” (Pv 23.26).
Veja as suas instruções à igreja de Laodicéia: “Eu repreendo e disciplino a quantos amo. Sê, pois, zeloso e arrepende-te. Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e cearei com ele, e ele, comigo. Ao vencedor, dar-lhe-ei sentar-se comigo no meu trono, assim como também eu venci e me sentei com meu Pai no seu trono. Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas” (Ap 3.19-22).

Conclusão:

Só existem duas classes de pessoas:
- As que têm vida abundante no tempo presente e herdarão a salvação eterna porque receberam a Jesus em seus corações fazem a sua vontade.
- As que fecharam os seus corações e rebelaram contra Deus e sua vontade e são escravas do inimigo que veio para matar roubar e destruir (João 10.10), e ainda herdarão a condenação eterna.

Roberto e Lourdes - Ministério Monte Sião

Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!

Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá á  disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Nenhum comentário

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links não serão aprovados!