O Segredo da Verdadeira Felicidade
Texto: Salmo 1

Introdução: Nesta série de sermões, selecionamos dez salmos dos 150 contidos no Livro dos Salmos, e procuraremos descobrir a mensagem de cada um. Estes serão, assim, no título da nossa série: Meditações nos Salmos.

O Salmo 1 é uma introdução ao saltério inteiro. Mostra-nos o segredo da verdadeira felicidade - e quem não quer aprender esse segredo?

Existe uma ideia por aí de que Deus não quer que sejamos felizes. Essa, claro, é a mentira do diabo, embora infelizmente até alguns cristãos acreditem nisso. Mas Deus quer que sejamos felizes.

Veja como o salmo começa: “Bem-aventurado o homem”, que traduz literalmente: “Oh, feliz o homem”; significa que a bênção de Deus estará sobre o homem bom descrito neste salmo - veja Provérbios 10:22. Certamente isso é suficiente - "riqueza ... sem problemas"! Compare Mateus 5:1-12. Deus quer que sejamos felizes e neste salmo Ele nos dá uma imagem do homem feliz e depois nos diz por que ele é feliz.

1. O Retrato de Deus do Homem Feliz

Se perguntarmos, como é o homem abençoado ou feliz? o versículo 3 nos diz. "Pois será como... ", e depois segue uma descrição de sete vezes do homem piedoso, o crente, o cristão. Introduzimos essas características por sete palavras-chaves de acordo com o texto.

A. Vitalidade: "a árvore ... " - Isto denota vida, o homem feliz, o verdadeiro cristão, recebeu uma nova vida (João 3:3; 2 Coríntios 5:17; Efésios 2:1), uma vida divina (2 Pedro 1:4).

B. Segurança: “a árvore plantada…” - Isto sugere uma árvore cuidadosamente escolhida, cuidada e cultivada. A vida do homem feliz é segura em Cristo (Colossenses 3:3) - e João 10:28!

C. Capacidade: “plantada junto às correntes de águas… ” - O que uma árvore mais precisa? Umidade. Existe suficiente? Sim? - "correntes de água"! Em Cristo, o homem feliz tem tudo o que precisa para o tempo e a eternidade - veja Romanos 8:16-17; Efésios 1:3; Filipenses 4:19; Colossenses 2:9-10.

D. Fertilidade: "dá o seu fruto..." O homem feliz é frutífero - ele produz o fruto do Espírito (Gálatas 5:22-23). Veja também João 15:16.

E. Propriedade: “na estação própria…” - Como é maravilhoso! Este homem produz o fruto certo na hora certa; isto é, paciência no sofrimento, fé na prova, alegria na prosperidade, etc.

F. Perpetuidade: “cuja folha não cai…” - A nova vida recebida pelo homem feliz é a vida eterna (João 3:15), e seu fruto permanece (João 15:16). Olhe para 2 Coríntios 5:1 e 1 João 2:17.

G. Prosperidade: “tudo quanto fizer prosperará”. Essa é a soma de todas as outras seis. Compare Gênesis 24:1 e Romanos 8:28.

2. O Segredo da Felicidade do Homem Feliz

Existe um segredo? Sim! É claramente afirmado, primeiro negativamente e depois positivamente, nos versículos 1 e 2. É um segredo quádruplo:

A. Arrependimento. Isto está implícito no versículo 1 pelas três palavras “não”, “nem”, “no”. Todos pecaram (Romanos 3:23), mas o homem feliz se arrependeu de seu pecado. O arrependimento é “uma mudança de mentalidade que leva a uma mudança de ação” (Isaías 55:7). Portanto, deve ser completo - um desvio do conselho dos ímpios, do caminho dos pecadores e de sentar com os escarnecedores. (Observe, antes de deixarmos o versículo 1, três nomes para o homem infeliz; também a sutil progressão do pecado - “andar ... em pé ... sentado”)

B. Fé. Isso é indicado no verso 2. Este homem agora está feliz porque ele mudou do verso 1 para o versículo 2; do pecado para Deus, para Cristo; para a vontade, a palavra e o caminho do Senhor. Ele é agora um homem de fé. Mas ele também é um homem de:

C. Obediência “na lei do Senhor”; portanto ele é um homem de obediência, e a fé mais a obediência traz a verdadeira felicidade.

D. Comunhão. O versículo 2 nos diz que esse homem é feliz e permanece feliz porque medita dia e noite na Palavra de Deus. Isso fala da verdadeira comunhão com Deus - esse é o quarto e último segredo da verdadeira felicidade.

Então, para quem procura a verdadeira felicidade, aqui estão os passos: arrependimento, fé, obediência e comunhão. Isto conclui nosso sermão - mas o salmo não termina aí. Observe:

3. O Solene Caminho e a Perspectiva do Homem Infeliz

Os incrédulos são descritos como os ímpios (versos 1, 4, 5), pecadores (versos 1 e 5) e escarnecedores (versículo 1). Observe que:

A. O caminho, a posição e a perspectiva do incrédulo é bem diferente da do crente (verso 4).
B. O incrédulo é como “palha” - sem vida, sem vitalidade, sem frutos, sem segurança, sem estabilidade - sem valor (verso 4).
C. O incrédulo será condenado no juízo (versículo 5).
D. O incrédulo será separado do crente (versículo 5).
E. O incrédulo perecerá (versículo 6; João 3:16).

Conclusão: Você é feliz ou infeliz? Abençoado ou não abençoado? Você passou da morte para a vida e entrou na verdadeira felicidade? Se não, leia "O Segredo da Felicidade do Homem Feliz" novamente e pratique cada um dos quatro passos dados por ele.