Encontrando o verdadeiro descanso

Texto: Mateus 11.28-30

"Vinde a mim, todos os que estais cansados e sobrecarregados, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para a vossa alma. Porque o meu jugo é suave, e o meu fardo é leve."

Introdução:
• Onde estão nossas preocupações?
• Por que concentramos tantas energias na resolução de problemas e, ainda assim, não temos sucesso em tudo? O que está faltando?
• Por que estressamos nossos cônjuges, filhos, amigos, discípulos, discipuladores, com nossos problemas e esquecemos do ensino do Messias quanto a buscar o verdadeiro descanso e solução para os nossos problemas?

Hoje, vamos falar um pouco sobre a busca do descanso. Jesus ensinou sobre o verdadeiro descanso. Dentro da cultura judaica vigente, naquela época e ainda nos dias de hoje, alguns tabus impedem que a essência da Palavra seja vivida quanto ao descanso.

1. O que é o descanso? Por que Deus se preocupou com isso?

Deus sabia desde o princípio que o homem precisaria de refrigério, de descanso.
Des. can. sar
v. 1. Tr. Dir. Dar descanso a, aliviar da fadiga. Cessar o trabalho, os afazeres, aliviar as cargas.
Segundo o modelo da Bíblia, descansar é tudo isso e muito mais. Quando Deus criou o universo, Ele nos ensinou acerca do descanso. O Texto diz que de todas as suas obras Ele, o Eterno, descansou! No Novo Testamento, encontramos, na pessoa do Mashiach Yeshua, o respaldo para um descanso verdadeiro.

Gn 2.1-3 "Assim, pois, foram acabados os céus e a terra e todo o seu exército. E, havendo Deus terminado no dia sétimo a sua obra, que fizera, descansou nesse dia de toda a sua obra que tinha feito. E abençoou Deus o dia sétimo e o santificou; porque nele descansou de toda a obra que, como Criador, fizera.”.
Por que insistimos em não ouvir a voz de Deus? Não estamos falando de uma doutrina, mas de um princípio criado por Deus para o nosso bem estar. É impressionante como nos convertemos rapidamente a ensinos fora das escrituras, a doutrinas disfarçadas e num instante estamos mergulhados no paganismo, em contrapartida, nos opomos a tudo o que a Bíblia nos mostra quando se refere à quebra de “tradições”.

Somos resistentes, mesmo que esteja claro na palavra de Deus. O Eterno nos fala sobre a dura cerviz, é isso que encontramos, muitas vezes, durante a caminhada da fé, pessoas que sempre se opõe aos ensinos da palavra, porque preferem ficar na “tradição” de ensinos fora das bases das escrituras.

O texto de Mateus nos diz: vinde a mim. Não diz eu vou a você, não diz: fique onde está, parado, infuncional. Não, o texto diz: VINDE A MIM. Às vezes procuramos tudo, todos aqueles que achamos que podem resolver os nossos problemas. Mas esquecemos daquele que realmente resolve todos os problemas.

2. A quem é dado o direito de buscar descanso?

A alguns? A certos grupos sociais, elitizados? A uns poucos? Não, não é isso o que as escrituras dizem. O texto diz: TODOS! DIGA: TODOS!!! Isso inclui você. Deus não lhe excluiu! O mundo pode fazer isso. As pessoas podem fazer isso. A família, sem Deus, pode fazer isso, mas Deus não! Ele sempre estará com as portas abertas para receber os excluídos, os rejeitados, os marginalizados, os doentes no físico e na alma, nas emoções. O mundo exclui, Jesus recebe. Ele mesmo disse: “eu vim para os doentes, para os necessitados...” (Mt 9.12,13).

A quem Jesus recebe? Todos os cansados, sobrecarregados, oprimidos. Você está cansado de lutar para resolver problemas, está sobrecarregado? Vá a Jesus.

3. por que devemos buscar o descanso em Deus?

Há uma promessa para quem busca o descanso em Deus, para quem vai até Ele. O texto diz: EU VOS ALIVIAREI!!! ALELUIA!!! Quer alívio, quer experimentar o verdadeiro descanso? Vá até Ele! Não fique aí, chorando como quem não tem solução, como se o seu problema não tivesse jeito, vá até Ele. Não que você não possa chorar que não tenha o direito de chorar, não é isso, você tem esse direito, mas não mergulhe no problema, não deixe que ele roube a sua alegria, ofusque o seu brilho que vem de Deus. Salmo 30.5 declara, na parte b do verso: “... o choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã...”, ou seja, o chore “pode”, isso implica possibilidade, direito, tempo limitado, determinado, e não o resto da vida. O Eterno sempre nos dará livramentos, sempre nos dará descanso, alívio, porque Ele é um Deus de pactos, de alianças e cumpre a todas as Suas promessas. O que fazer? Apegar-se a elas, estudar cada uma delas, examiná-las e acima de tudo, vivê-las.

Não precisa ser especial para achegar-se a Ele, simplesmente vá. Ele diz: vinde, vinde, vinde a mim!

4. Quais os benefícios de quem busca o descanso em Deus?

Quem aprende a descansar em Deus tem alívio, tem refrigério. Aprende Dele, pois Ele é manso e humilde. Isto significa alguém que se permite ser acessível, disponível, pois a mansidão abre caminhos, abre portas. Não há impedimentos. Diferente de alguém agressivo, repulsivo, que ninguém pode se aproximar. Você parou para pensar que pessoas agressivas não têm amigos, são solitárias, ninguém gosta de estar perto delas, pois nunca sabe quando “ a bomba vai estourar”. Entretanto, os mansos herdarão a terra (Mt 5.5).

Vemos duas características da personalidade de Jesus aqui, manso e humilde. Humildade fala de simplicidade. Fala de portas abertas para a multidão se aproximar, independente de sua posição social, seu nível intelectual, todos podem aproximar-se de um homem manso e humilde. Não é alguém arrogante, prepotente, mas humilde. Essa figura descrita na palavra dá-nos sempre, a certeza de que temos livre acesso a Ele.

Um dos maiores benefícios que encontramos na busca do verdadeiro descanso, é que temos a certeza que vamos achar o que procuramos. Deus se preocupa com a nossa saúde emocional, com a nossa alma. Ele diz: “achareis descanso para vossas ALMAS”. E ele termina dizendo: porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve.

Conclusão: Os benefícios do verdadeiro descanso também estão descritos no Salmo 23. Vemos aplicação dentro de um contexto que vivemos em nossos dias. Encontrar o verdadeiro descanso não significa ausência de problemas, mas alívio em meio a eles. Passamos por tribulações, problemas, alguns diriam vales, até mesmo o vale da sombra da morte, mas quando entendemos quem é o nosso verdadeiro descanso, somos capacitados, por Ele, a ultrapassar as barreiras, as dificuldades, e contemplar o Deus que está acima de todas as coisas, que nos ensina a elevar os nossos olhos para além dos montes, pois certamente nos virá o socorro. Faça deste salmo a sua oração pessoal hoje, e deixe que unção da paz que excede a todo entendimento, venha sobre sua vida. Deixe que a letra deste salmo transforme-se em canção na sua vida. Que tal fechar os olhos e concentrar-se por alguns instantes no Criador, Elohim, enquanto esse salmo ministra ao seu coração...

Salmo 23: "O SENHOR é o meu pastor; nada me faltará. Ele me faz repousar em pastos verdejantes. Leva-me para junto das águas de descanso; refrigera-me a alma. Guia-me pelas veredas da justiça por amor do seu nome. Ainda que eu ande pelo vale da sombra da morte, não temerei mal nenhum, porque tu estás comigo; o teu bordão e o teu cajado me consolam. Preparas-me uma mesa na presença dos meus adversários, unges-me a cabeça com óleo; o meu cálice transborda. Bondade e misericórdia certamente me seguirão todos os dias da minha vida; e habitarei na Casa do SENHOR para todo o sempre.”
Que o Eterno te abençoe e te guarde... e Ele te dê Shalom!!


Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!
Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá à disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Encontrando o verdadeiro descanso Reviewed by Aldenir Araujo on 3/19/2014 Rating: 5

Nenhum comentário:

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links não serão aprovados!

All Rights Reserved by Esboços de sermões © 2014 - 2016
Designed by Blogger

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.