O Repouso do Senhor

Texto:  “Tendo o Senhor, vosso Deus, dado repouso a vossos irmãos, como lhes havia prometido, voltai-vos, pois, agora, e ide-vos para as vossas tendas, à terra da vossa possessão, que Moisés, servo do Senhor, vos deu dalém do Jordão. Tende cuidado, porém, de guardar com diligência o mandamento e a lei que Moisés, servo do Senhor, vos ordenou: que ameis o Senhor, vosso Deus, andeis em todos os seus caminhos, guardeis os seus mandamentos, e vos achegueis a ele, e o sirvais de todo o vosso coração e de toda a vossa alma” (Josué 22.4, 5).

Introdução: Uns dos mais acalentados sonhos do ser humano é viver uma vida de paz. Muitos buscam refúgio na natureza, outros em longas viagens, na religião e tantos outros meios e paliativos, porém a única fonte de paz é o Príncipe da Paz, Jesus. O Ap. Paulo nos traz instruções maravilhosas em Filipenses 4.6 e 7 para alcançarmos a qualidade de vida, isto é, viver sem ansiedade: “Não andeis ansiosos de coisa alguma; em tudo, porém, sejam conhecidas, diante de Deus, as vossas petições, pela oração e pela súplica, com ações de graças. E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará o vosso coração e a vossa mente em Cristo Jesus”.

Viver sem ansiedade é:

1. Tenha cuidado em guardar com diligencia.
Uma decisão firme de valorizar, dar crédito aos mandamentos e viver por eles.
“Foi-me bom ter eu passado pela aflição, para que aprendesse os teus decretos. Para mim vale mais a lei que procede de tua boca do que milhares de ouro ou de prata” (Salmo 119.71, 72).

2. Amar ao Senhor nosso Deus.
É tê-lo como Pai, obedecê-lo em tudo andando em seus caminhos, buscando-o de todo coração e entendimento e dando a Ele a glória e honra e ser agradecido em tudo.
“Ouve, Israel, o Senhor, nosso Deus, é o único Senhor. Amarás, pois, o Senhor, teu Deus, de todo o teu coração, de toda a tua alma e de toda a tua força. Estas palavras que, hoje, te ordeno estarão no teu coração” (Deuteronômio 4.4-6).

3. Andar em todos os seus caminhos.
Veja a expressão: “todos os seus caminhos”, isto é, obediência total em tudo. Não negociar com o mundo e ser seduzido por satanás. Tomar uma decisão de ser santo.
“Ora, como recebestes Cristo Jesus, o Senhor, assim andai nele, nele radicados, e edificados, e confirmados na fé, tal como fostes instruídos, crescendo em ações de graças” (Colossenses 2.6, 7).

4. Guardar os seus mandamentos.
Os mandamentos do Senhor não são pesados. O guardar e praticar os mandamentos do Senhor traz segurança, prosperidade e sucesso.
“Porque este é o amor de Deus: que guardemos os seus mandamentos; ora, os seus mandamentos não são penosos, porque todo o que é nascido de Deus vence o mundo; e esta é a vitória que vence o mundo: a nossa fé. Quem é o que vence o mundo, senão aquele que crê ser Jesus o Filho de Deus?” (1 João 5.3-5).
“Guardo no coração as tuas palavras, para não pecar contra ti” (Salmo 119.11).
“Não cesses de falar deste Livro da Lei; antes, medita nele dia e noite, para que tenhas cuidado de fazer segundo tudo quanto nele está escrito; então, farás prosperar o teu caminho e serás bem-sucedido” (Josué 1.8).

5. Achegar-se a Ele.
É a decisão de amar, valorizar, aproximar, relacionar com intimidade e aliança com o Pai.
“Chegai-vos a Deus, e ele se chegará a vós outros. Purificai as mãos, pecadores; e vós que sois de ânimo dobre, limpai o coração” (Tiago 4.8).
“De fato, sem fé é impossível agradar a Deus, porquanto é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe e que se torna galardoador dos que o buscam” (Hebreus 11.6).

6. Servi-lo de todo o coração e alma.
Entrega total e sem reservas e o que fizer seja para glória do Senhor.
“Servireis ao Senhor, vosso Deus, e ele abençoará o vosso pão e a vossa água; e tirará do vosso meio as enfermidades. Na tua terra, não haverá mulher que aborte, nem estéril; completarei o número dos teus dias. Enviarei o meu terror diante de ti, confundindo a todo povo onde entrares; farei que todos os teus inimigos te voltem as costas” (Êxodo 23.25-27).
Veja o contraste com Jeremias 48.10, que diz: “Maldito aquele que fizer a obra do Senhor relaxadamente! Maldito aquele que retém a sua espada do sangue!”.

Conclusão: Quando andamos pelos princípios acima enumerados, o repouso vem da parte de Deus em todas as áreas e nos é entregue pelo Pai a possessão da terra e também uma abundancia material: “e lhes disse: Voltais às vossas tendas com grandes riquezas, com muitíssimo gado, prata, ouro, bronze, ferro e muitíssima roupa; reparti com vossos irmãos o despojo dos vossos inimigos. Assim, os filhos de Ruben, os filhos de Gade e a meia tribo de Manasses voltaram e se retiraram dos filhos de Israel em Silo, que está na terra de Canaã, para se irem à terra de Gileade, à terra da sua possessão, de que foram feitos possuidores, segundo o mandado do Senhor, por intermédio de Moisés” (Josué 22.8, 9).


Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!
Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá à disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

O Repouso do Senhor Reviewed by Aldenir Araujo on 4/09/2013 Rating: 5

Nenhum comentário:

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links não serão aprovados!

All Rights Reserved by Esboços de sermões © 2014 - 2016
Designed by Blogger

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.