Lúcifer: o protetor se tornou inimigo

Algumas ideias anti-bíblicas sobre Lúcifer:

- Lúcifer nunca existiu, e Satanás é uma invenção humana para dar explicação às desgraças que existem no mundo (Explicação cética).
– Satanás não é um personagem, ele é uma alegoria do mal: uma força impessoal que existe no mundo.
– Lúcifer seria um “deus”, irmão de Jesus antes da queda. (idéia dos mórmons)
– Satanás seria uma espécie de “bode emissário” (Lv 16.8) – Na verdade, esta idéia faz de Lúcifer/Satanás um “co-salvador”, necessário para o perdão dos pecados da humanidade. (idéia adventista).
– A idéia da existência de um “ser maléfico” está presente em quase todas as culturas e suas religiões – de uma forma ou de outra. Algumas se aproximam bastante da descrição bíblica.

A trajetória bíblica de Lúcifer:

Pergunta: O texto de Ezequiel 28 .12-19 é uma profecia contra um homem, ou contra o ser que controlava um homem? Ao lermos o texto vemos que o profeta não poderia estar falando de um ser humano, mas de um anjo do “alto escalão” do céu, que caiu.

O que aprendemos deste texto:

a) Lúcifer é um ser criado como tudo mais Ez 28.13
b) Ele era perfeito Ez 28.12 Perfeição pressupõe a possibilidade de imperfeição, assim como a luz pressupõe a possibilidade de trevas (Degel Kalleb – O Caminho de Lúcifer – S. Paulo: Maná, 2000)
c) Ele era o guarda do Éden, o Jardim de Deus, mas era um jardim diferente do descrito em Gênesis – Era um paraíso mineral (em termos poéticos ou reais), uma criação anterior à criação descrita em Gn 1. – Ez 28. 13
d) Tudo indica que a Nova Jerusalém terá as mesmas características do Édem que foi perdido quando da queda do seu protetor. Ap 21.10-21
e) Ele era um querubim ungido e estabelecido por Deus – talvez o mais importante e mais alto de todos Ez 28.14
f) O texto dá a entender que Lúcifer era encarregado da música no céu. Ez 28.13
g) Ele tinha ainda o cargo de ser protetor Ez 28.16
h) O pecado de Lúcifer foi a soberba. Ez 28.17 Ele quis ser “igual ao Altíssimo” Is 14.14

Em resumo, Satanás não mudou de tática até hoje. A "mãe de todos os pecados" é a vontade de ser igual a Deus. Foi assim com Lúcifer, ao cair. Foi isso que ele fez com Adão e Eva, tentando fazê-los ter vontade de serem iguais ao Criador. Foi isso que ele tentou fazer com Jesus nos dias de tentação no deserto, ao sugerir que se Jesus fosse realmente Filho de Deus que transformasse pedras em pães, pulasse da torre do templo para ser acudido pelos anjos e que obtivesse poder sobre toda a terra ao adorá-lo. Ele ainda age da mesma forma. Deixar Deus de lado na sua vida, rejeitá-lo como Senhor e colocar-se em seu lugar é a gênese de todo pecado e rebeldia contra Deus.

Na continuação tentaremos responder às seguintes questões:

- O que aconteceu quando Lúcifer caiu?
– Haveria ligação entre a queda de Lúcifer e o caos na Terra?
– Por que ele é nosso inimigo?
– O que ele faz agora?
– Quantos seguidores Lúcifer teve?
– Quais os títulos de Satanás e seus adjetivos?
– O que ele faz hoje?
O que aconteceu quando Lúcifer caiu?
a) Lúcifer foi lançado para fora dos céus (Ez 28.16-18)
b) Tornou-se abominável, causador de horror. (Is 14.19; Ez 28.18-19)
c) Caiu dos céus como um raio ou como uma estrela (Lc 10.18)
d) Lúcifer fez um levante nos céus e uma terça parte dos anjos dos céus caíram com ele ( Ap 12.7; Ap 6.13; Ap 12.4)

Obs. É uma interpretação quase que unânime de que esta “terça parte” das estrelas dos céus seriam os anos caídos com Lúcifer. Em 2Pe 2.4 vemos que realmente anjos caíram.

e) O impacto da queda de Lúcifer e seus seguidores foi desastroso para o mundo (Ap 9.1) Houve caos na Terra Veja Ap 12.7 sobre a guerra no céu. Para Deus, as coisas que ainda irão acontecer já aconteceram: “O que é, já existiu; e o que há de ser, também já existiu”Ecl 3.15 – a história seria cíclica? (Degel Kalleb – O caminho de Lúcifer) . Teria a Terra se tornado “sem forma e vazia” após a queda de Lúcifer? (E.A. Torrey – Hard problems on Scripture)

Por que Lúcifer é nosso inimigo?

Ele é inimigo de Deus e de qualquer ser humano. Até mesmo as pessoas que fizeram pacto com ele, porque o homem foi feito para o louvor da glória de Deus; Satanás não pode suportar isso. Ele quer desviar o louvor de Deus para ele (Ef 1.12; Mt 4.9; Tt 2.8 1Pe 5.8)

Quais títulos e adjetivos de Satanás?

Estrela da manhã e filho da alva – antes da queda (Is 14.12) – ; Serpente (Gn 3.1); dragão (Ap 12.9); diabo (Ap 12.9); Abadom ou Apoliom – anjo do abismo (Ap 9.11); Adversário (1Pe 5.8); deus deste século (2Co 4.4); Belzebu e Príncipe dos demônios – “senhor das moscas” (Mt 12.24 ); Príncipe das potestades do ar (Ef 2.2); Príncipe deste mundo (Jo 12.31); tentador (Mt 4.3); Maligno (Mt 13.19); Belial (2Co 6.15) Mentiroso e Pai da Mentira (Jo 8.44); Satanás (Jó 1.6); Acusador ( Ap 12); Ladrão (Jo 10.10; Jo 10.1)

O que ele faz hoje?

a) Ele tenta os homens para o mal (Gn 3; Mt 4; At 5.3) – b) Ele acusa os homens diante de Deus (Ap 12.10; Jó 1.6); c) Ele se opõe aos santos (Tg 4.7; Mt 16.18; 1Pe5.8); Ele mata (Jo 8.44); Ele semeia o engano (Ap 12.9); Ele cega os seres humanos (2Co 4.4); Causa doenças – se permitido (Jó; 1Co 5.5; 2Co 12.7; Lc 13.11)

Qual será o seu fim?

a) Ele começará a se manifestar com mais veemência nos tempos do fim (Ap 12.12);
b)Ele será aprisionado por mil anos (Ap 20.1-3);
c) Depois deste período de paz na Terra, sem Satanás, ele será solto por um pouco de tempo, arregimentará forças para batalhar contra o Senhor (Ap 20.7-8);
d) Satanás será derrotado e lançado no lago de fogo com seus anjos para sempre (Ap 20.10).


Gostou desse esboço? Olha a novidade que tenho para você!
Eu preparei um e-book com 365 sermões selecionados criteriosamente durante meus mais de 20 anos de ministério. Organizei eles por livros bíblicos para simplificar a busca. Quero que você utilize livremente em suas pregações e possa transformar a vida das pessoas com a Palavra de Deus.

Se você deseja investir em seu ministério, ainda hoje, terá à disposição Um Sermão para Cada Dia do Ano! Clique Aqui para adquirir seu livro.

Lúcifer: o protetor se tornou inimigo Reviewed by Esboços de sermões on 1/17/2012 Rating: 5

Nenhum comentário:

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:

1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links não serão aprovados!

All Rights Reserved by Esboços de sermões © 2014 - 2016
Designed by Blogger

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.